Um item que faz parte de toda viagem são as fotos… para mostrar em casa, amigos, parentes, revelar para vó, postar nas redes sociais, trabalho artístico e inclusive para própria recordação (na nossa opinião, fator principal). Pensando nisso, resolvemos iniciar uma série de dicas para ajudar a você capturar aquele momento especial.

Regra número 1, é preciso trazer fotos que contam momentos, então a chave é ter equilíbrio! Lembre-se que a viagem está muito além das fotos que você traz para casa. Então, é importante balancear entre algumas fotos legais e curtir o local. Guarde a câmera/smartphone por um tempo e admire a beleza da natureza, as construções, a gastronomia local e tenha momentos agradáveis com sua companhia. Isto é o que dará profundidade e sentido as fotos, e quando você voltar a vê-las no futuro vai lembrar de todas emoções daquele dia. 😉

Bom, contando que vocês compreenderam e vão se lembrar da regra número 1. Vamos iniciar esta série de dicas com uma que consideramos a fundamental para uma boa composição da fotografia (pessoas + local). Ela é conhecida como regra dos terços, e estabelece algumas conceitos que em geral farão sua fotografia mais harmônica.

Vamos lá, você ja teve ter visto que praticamente todas as câmeras possuem uma opção para habilitar a exibição de grades no visor. Bem, isto não é uma mira, na verdade são guias para auxiliar você a enquadrar a foto. Os pontos onde as linhas se encontram são considerados os pontos mais importantes da foto, alguns chamam de pontos quentes, então se estiver fotografando uma pessoa com algo do local a ser mostrado também, procure colocar deixar o objeto/pessoa em um destes quatro pontos e no lado oposto o local. Pode parecer complicado, mas é muito simples. Com pouco de prática, você fará isto naturalmente. Veja abaixo:

Estes são considerados os quatro pontos quentes da foto, então esteja atento ao que estará no neste locais.

Regra dos terços - Pontos quentes
Regra dos terços – Pontos quentes

 

Veja um exemplo, observe a harmônia que gera entre o local e a pessoa, ambos possuem destaque na foto.

Regra dos terços - Exemplo 1
Regra dos terços – Exemplo 1

 

Lembre-se, não é uma mira, então você pode explorar o melhor enquadramento, o importante é que os pontos principais fiquem próximos dos pontos quentes.

Regra dos terços - Exemplo 2
Regra dos terços – Exemplo 2

 

Ainda sobre a regra dos terços, você pode ir além e seguir o conceito que diz que 1/3 deve estar para o objeto A e 2/3 para objeto B, ou seja, ocupar 1/3 da foto (3 quadros) com um objeto e o restante (6 quadros) com outro. Sendo assim, se você estiver tirando foto do horizonte, pode deixar tudo que está abaixo da linha do horizonte ocupando 1/3 e os outros 2/3 com céu ou vice-versa.

Regra dos terços - Exemplo 3
Regra dos terços – Exemplo 3

 

Bom, esta é a primeira dica que escolhemos para passar para com vocês. Viajem e tragam milhares de fotos incríveis, mas não esqueçam da regra número 1. 🙂

Em breve traremos mais dicas como esta, e a sequência desta série sobre fotografia em viagens.

Gostou? Curta e compartilhe Viagens Extraordinárias!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here